A união faz a força

Instituto Floresta Viva X TXAI Resort Itacaré – uma parceria que deu certo

Nice Vidal
11 de Agosto de 2010

Com o objetivo de estreitar o diálogo e fortalecer a parceria entre o IFV - Instituto Floresta Viva e o Txai Resort, aconteceu um encontro nas dependências do Txai, no último dia 11 de agosto, contando com a presença maciça dos 23 agricultores que fazem parte do projeto Companheiros do Txai.

Este projeto foi criado em 2003 e tem proporcionado uma substancial melhora na vida destas famílias que possuem roças no entorno do resort que, até então, não tinham descoberto “o grande tesouro que havia em seus quintais”, tendo como única atividade: desmatamentos para o plantio de mandioca, ou, o pior, muitos acabavam vendendo suas terras “a preço de banana”, deixando a zona rural por falta de opção de sobrevivência.

Hoje, muitas destas famílias que fazem parte deste programa passaram a ter uma renda média mensal entre R$ 400,00 a R$ 1.200,00.

Por meio da garantia da comercialização e do pagamento da Compensação por Serviços Ambientais - CSA (pelo Txai) e assistência técnica do IFV, o projeto visa proporcionar melhoria da qualidade de vida dos agricultores da APA Itacaré/Serra Grande, privilegiando:

  1. Promoção da agricultura agroecológica nas propriedades;
  2. Melhoria socioeconômica;
  3. Desenvolvimento humano;
  4. Preservação e educação ambiental.

O que é o Companheiros do Txai? - No vocabulário dos índios Kaxinawa (região amazônica do Acre), a palavra TXAI quer dizer "companheiro". É utilizada pelos índios como tratamento de respeito e carinho.

Foi dessa forma que o TXAI criou este projeto, há mais de 7 anos, que visa auxiliar estes pequenos agricultores que participam do programa a utilizar-se dos recursos florestais da Mata Atlântica de forma sustentável, dando viabilidade econômica à região, tendo como principal parceiro o IFV - Instituto Floresta Viva, responsável pelo auxílio na logística e assistência técnica aos agricultores.

Dentre as atividades de capacitação com estas famílias, ao longo desta experiência que, a cada ano, vem apresentando melhores resultados, os técnicos do IFV puderam detectar as áreas que mais se enquadravam em cada uma das propriedades.

Hoje, estas 23 famílias têm a possibilidade de: produzir hortaliças, mudas de nativas, frutíferas e ornamentais; criar galinhas e carneiros; utilizar as propriedades como atrativos para o Turismo de Base Comunitária, possibilitando a visita de turistas que podem apreciar de perto esta produção; além de usufruir de trilhas interpretativas, degustando frutas e pratos típicos da roça.

A produção é toda orgânica (condição para ser Companheiro) e boa parte é comprada pelo TXAI para servir aos hóspedes e colaboradores.

Esta parceria está demonstrando, na prática, que a UNIÃO FAZ A FORÇA, onde pretendemos, em breve, ampliar a área de atuação e aumentar o número de famílias beneficiadas por este programa; bem como multiplicar esta experiência em outros resorts, hotéis e pousadas da região.” Informou Rui Rocha, Presidente do Conselho Deliberativo do Instituto Floresta Viva.

Este encontro foi fundamental para estreitar nossos laços e perceber, ainda mais, a importância que é ter um projeto desta magnitude na região. Estamos muito felizes em ter estes Companheiros como parte da família TXAI. Vamos nos empenhar para que ele cresça e se fortaleça cada vez mais.” Concluiu Elizabeth Carrião – Gerente-Geral do TXAI Resort Itacaré.